Documento atrasado é segunda maior infração registrada em 2011

Documento atrasado é segunda maior infração registrada em 2011

Conduzir veículo registrado que não esteja devidamente licenciado é a segunda infração mais cometida em 2011, segundo dados do Registro Nacional de Infrações (Renainf) do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Atrás apenas da infração por conduzir veículo sem possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH), dirigir veículo com a documentação atrasada somou 2.304 multas lançadas durante todo o ano passado.

 

Para o diretor de Cadastro de Condutores de Veículos, Santos Rosa, o usuário sabe da obrigação anual quanto aos impostos sobre propriedade de veículos. Eele afirma que nem todos têm esta consciência e insistem em andar fora da lei. “Se flagrado circulando com a documentação do veículo atrasada, o condutor será multado e terá o veículo recolhido”, enfatizou.

Em 2010, conduzir veículo registrado que não esteja devidamente licenciado contabilizou 1.665 multas registradas. Em comparação ao ano passado, houve um aumento de 27,7% no total de multas lançadas pela mesma infração. Já a frota cresceu 9,8% entre o ano passado e 2010.

Segundo o diretor presidente, Jorge Everton, os números são reflexos da atuação do Detran nas ruas. Para ele, a atuação dos agentes de trânsito nas ruas é fundamental para coibir não só este, mas todos os tipos de infrações. “Infelizmente muitos usuários só regularizam sua situação junto ao Departamento quando é multado e tem o carro apreendido. Se for colocar no papel, além do risco de ser flagrado, ter o carro recolhido sai mais caro”, concluiu.

INFRAÇÃO

O artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) diz que conduzir veículo que não esteja devidamente licenciado é infração gravíssima passível a multa de R$ 191,54 e apreensão do veículo até que a situação seja regularizada. 

Informações adicionais