Governo oferece 2 mil vagas e define critérios para inscrição no projeto social

25.171 views

O Governo de Roraima, por meio do Detran-RR (Departamento Estadual de Trânsito de Roraima), anunciou os critérios para inscrição no projeto social CNH Cidadã.

Para este ano serão ofertadas 2 mil CNH Cidadãs. As inscrições estarão abertas no período de 5 a 29 de fevereiro no site detran.rr.gov.br.

O presidente do Detran-RR, Álvaro Duarte, informou que para se inscrever é preciso atender a quatro requisitos.

“Tão logo as inscrições estejam abertas, os interessados devem acessar o site e observar em qual dos critérios exigidos eles se encaixam”, explicou.

Duarte complementou reforçando que o primeiro critério para participar é estar inscrito no CadÚnico.

“Lembrando que somente uma pessoa por núcleo familiar inscrita no Cadastro Único criado pelo Governo Federal pode se inscrever no projeto CNH Cidadã. A proposta é favorecer mais famílias que estão no CadÚnico a participarem deste projeto do Governo de Roraima”, ressaltou o presidente.

Também terão direito a fazer inscrição na CNH Cidadã as famílias cadastradas no programa Cesta da Família, do Governo de Roraima. Da mesma forma, será permitida a inscrição de uma pessoa por núcleo familiar.

“Mulheres vítimas de violência doméstica também poderão fazer a inscrição para a CNH Cidadã. Essa é uma novidade que o governador Antonio Denarium apresenta no projeto para promover oportunidade para quem mais precisa”, disse o diretor do Detran-RR.

O quarto critério é voltado para os estudantes do EJA (Educação de Jovens e Adultos), que já estão participando do projeto Jovem Condutor. “Inclusive já temos uma turma que se formou que também pode se inscrever e participar da seleção”, ressaltou Duarte.

Em breve o Detran-RR divulgará um edital com informações detalhadas sobre todo o processo para participação no projeto social CHN Cidadã.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está de acordo com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Saber mais

Pular para o conteúdo